quinta-feira, 17 de maio de 2012

Quinta-feira da Espiga


Imagem roubada aqui


Apesar de a minha rinite alérgica estar muito assanhada nos últimos dias, o cheiro a espiga  não me passou despercebido  logo pela manhã, porque a Isabel vinha  munida de três exemplares -um dos quais me era destinado- que se sobrepuseram ao odor do café fresquinho. 
Este ano até os trabalhadores do metropolitano celebraram a quinta-feira da espiga com  uma greve, obrigando muita gente a fazer a tradicional longa caminhada deste dia, desde casa até ao emprego. Provavelmente não terão ido a colher espigas pelo caminho, mas não terão deixado de pensar na grande espiga que é esta vida nos dias de hoje em Portugal.
Habituado a fazer  frequentemente  a caminhada desde minha casa até ao Saldanha, fingi  que cumpria a tradição, mas  só “colhi” a espiga num dos vendedores aqui do Saldanha que são muitos mais do que em anos anteriores.
Perguntarão alguns leitores: mas  se a Isabel  te tinha levado uma espiga para que foste comprar outra Carlos? 
Eu sou assim… em tempo de crise o melhor é ter espigas em dose dupla.
 Por falar nisso! Ainda vou ali num instante comprar outra para oferecer. Adivinhem a quem...
Estava-se mesmo a ver, não estava?

9 comentários:

  1. Carlos
    Curiosamente há 10 minutos fui com a Adélia beber um café às renovadas termas de Monte Real (se ainda cá não veio, recomendo) e nos 10 minutos de percurso apanhámos a espiga. Até porque estamos (eu) a gozar o feriado municipal da Marinha Grande. Tentei escrever algo sobre o assunto,mas como o fiz no ano passado, não encontrei nada de novo para dizer.
    Abraço
    Rodrigo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já lá estive, sim, e gostei muito do que vi.
      Abraço

      Eliminar
    2. Carlos
      A minha casa que fui recuperando de umas ruinas durante a ultima dezena de anos, fica a 150 metros em linha recta. da entrada das termas (balneário).
      Era para ser uma segunda habitação que acabou por se tornar na primeira. Agora deve preceber a inspiração da flor de Jasmim.
      Abraço
      Rodrigo

      Eliminar
  2. Eheheh, qualquer dia até sonha com ela... :)))

    Quanto ao dia da espiga e da espiga que estas greves são para quem trabalha, não tenho nada a acrescentar... :)

    ResponderEliminar
  3. Para o ano ainda serão mais os vendedores de espigas...

    Ai vida a quanto obrigas!!!

    Hummmmm...quem será a sortuda?!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  4. Carlosamigo

    Quem foi que disse que o desemprego está na origem do mudar de vida, quem foi?

    Abç

    ResponderEliminar
  5. Acho que nem preciso clicar no link para ter a resposta... rs...
    Seria, por acaso, à senhora dentista responsável pelo bom estado dos dentes de meu amigo, que seria oferecida a terceira espiga?

    Beijos e boa noite

    ResponderEliminar